Qual é a diferença entre umidificador e desumidificador de ar?

Qual é a diferença entre umidificador e desumidificador de ar?

Umidificador e desumidificador são dois equipamentos completamente diferentes, tanto em relação ao seu funcionamento, quanto a sua finalidade. Apesar disso, visam um ponto em comum: alterar a umidade relativa do ar (U.R.) para tornar o ambiente mais confortável.

Por isso, pode surgir a dúvida: qual é a diferença entre umidificador e desumidificador de ar? Para resolver essa questão, é preciso entender melhor sobre cada um dos equipamentos.

Umidificador de ar 

O umidificador de ar age no ambiente seco e tem por função aumentar a umidade do ar através do processo de vaporização. É necessário estabelecer um controle sobre esse processo, de modo a evitar acúmulo de umidade, já que pode resultar na proliferação de bactérias e mofo, dentre outros malefícios.

A função do umidificador é climatizar o espaço através da circulação do ar e da evaporação da água, deixando o ar mais úmido e fresco. Este aparelho não tem a função de ar condicionado, ele apenas ameniza a temperatura em alguns graus centígrados.

Seu uso é ideal em regiões geográficas tipicamente mais secas ou em épocas do ano em que a umidade relativa está mais baixa, deixando o ar seco. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), quando os índices de U.R. estão abaixo de 20%, caracteriza-se estado de alerta, pois oferece riscos às vias respiratórias.

Desumidificador de ar

O desumidificador é um equipamento que tem como função principal remover o excesso de umidade do ambiente. Dependendo do modelo, o desumidificador pode funcionar por dois processos diferentes, sendo eles:

  • Condensação do ar: o vapor de água presente na atmosfera é transformado em água e conduzido até um reservatório.
  • Adsorção por sílica: o material retém a umidade no interior do equipamento. 

O uso de um desumidificador de ar em casa promove um maior conforto físico, mas não é o único benefício que oferece para a saúde. 

Ao controlar a umidade do ar, também impede a proliferação de microrganismos nocivos como fungos, bactérias e ácaros, que precisam de uma umidade relativa acima de 65% para se desenvolver.

De acordo com a OMS, o nível ideal de umidade é entre 50% e 60%, parâmetro que só pode ser atingido através do uso de um desumidificador Desidrat, uma vez que possui sensores que mantém o controle contínuo.

O Desidrat é um equipamento essencial em toda residência, mas principalmente para quem sofre de doenças respiratórias como asma, bronquite, rinite e sinusite, já que os microrganismos são responsáveis por crises alérgicas.

O mais importante, certamente, é o bem-estar que ele representa em saúde, mas existe ainda outro lado. A ação dos fungos é capaz de resultar em perdas materiais, pois dá origem ao mofo e ao bolor, que deterioram todo tipo de material orgânico.

O desumidificador oferece benefícios como evitar o mofo em livros, móveis de madeira, quadros, fotos, paredes, teto, roupas e até alimentos. Além disso, também elimina o mau cheiro em ambientes fechados, proveniente da ação dos fungos.

Onde utilizar um desumidificador de ar?

Um Desidrat pode ser usado em qualquer local onde haja excesso de umidade, especialmente durante o inverno, em que as portas e janelas costumam ficar fechadas, acumulando a umidade vinda dos banhos quentes ou do cozimento de alimentos, mas também em épocas de chuvas, como o verão.

Em casas de praia, onde a maresia costuma estragar móveis e eletrodomésticos, o uso de um desumidificador é essencial. Em casas de campo, que são naturalmente mais úmidas pela presença das árvores, o desumidificador também possui um papel fundamental no combate ao mau cheiro e ao mofo.

Cômodos como cozinha, banheiro e quarto, são os que mais sofrem com o excesso de umidade. Quer saber qual o melhor desumidificador de ar para sua casa? Confira:

 



Related Products

WhatsApp Chat WhatsApp Chat